PEC Kamikaze: quais os efeitos na economia?

Imagem de carrinho de compras em supermercado

Navegue pelo conteúdo

A PEC dos Benefícios que traz um pacote de auxílios para pessoas de baixa renda recebeu o nome de PEC Kamikaze, de especialistas em economia. Nesse sentido, este nome nada carinhoso tem uma explicação. Visto que ele traz uma série de problemas que impactará a economia hoje e futuramente. Além disso, ela está sendo usada para fins eleitorais. 

O que parece uma atitude social para ajudar as pessoas que estão passando dificuldade por conta da crise da pandemia? Poderá ser um tormento para as contas públicas. Conforme estamos noticiados aqui no blog Se Torne Investidor. A PEC dos Benefícios passou pelo Senado e agora passará pela votação na Câmara. 

No entanto, a aprovação da PEC no Senado Federal causou muita indignação em setores da economia. Muitos especialistas alertam sobre a gravidade deste projeto, inclusive a própria oposição sabe disso. Mesmo assim, votou a favor. Em vista da necessidade emergencial que muitas famílias vivem hoje. 

Nesse sentido, todos sabem da necessidade das famílias em todo Brasil, basta andar na rua para ver que as pessoas estão passando fome. Contudo, venha entender conosco quais os impactos da PEC kamikaze na economia brasileira?

Por que ela dá mais um golpe na economia? Na verdade, ela dá um golpe nas contas públicas, não apenas nas contas públicas de hoje. Mas, no futuro, também. A PEC 1 relaxa a regra do teto dos gastos para esse ano. 

O que é teto dos gastos? 

O Teto de gastos é aquela regra aprovada no governo de Michel Temer, cujo objetivo era segurar o crescimento dos gastos públicos do Brasil. Contudo, as coisas estão saindo do controle. O que a PEC está fazendo? Ela está relaxando as regras para esse ano, um período eleitoral para abrir um espaço de 40 bilhões, além do teto. Então, não só compromete a situação fiscal, mas as contas públicas.

De acordo com economistas ouvidos pela BBC News Brasil, a PEC 1 pode causar impactos negativos na economia. Algo que será sentido em curto, médio e longo prazo. Visto que entre eles estão o aumento das despesas públicas. Gerar desconfiança no mercado fiscal, pressionar a taxa de juros, e a inflação. Além disso, quem assumir o governo no próximo mandato passará por muitas dificuldades fiscais. 

Brasileiros vão passar sufoco com PEC kamikaze

Enquanto ajuda muitas famílias com dificuldades, a PEC Kamikaze, batizada pelo próprio ministro da Economia Paulo Guedes, não ajuda os brasileiros. Dado que os efeitos serão bem nebulosos. Muitos investidores internacionais vão ter uma percepção de risco sobre a nossa economia. O efeito disso será a desvalorização do real, e a consequência será a inflação. 

A inflação é um dos principais efeitos imediatos da PEC kamikaze, e sentiremos no bolso nas compras de casa. Os juros vão aumentar e isso causa uma paralisação nos investimentos das empresas. E impactar na criação de empregos. A situação é complicada já que desde setembro do ano passado o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) está acima de 10%. A taxa básica de juros (SELIC) é a mais alta desde 2016, está em 13,25%.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais Populares

Assine nossa newsletter

Deixar o seu e-mail aqui te deixa um pouco mais perto da independência financeira. Bora enriquecer?

Simuladores Financeiros

Fique de olho
Você vai gostar

Utilizamos Cookies para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar navegando você concorda com nossa Política de Privacidade.